Vitaminas e minerais podem ajudar na saúde do esperma

Uma dieta que contém grandes quantidades de certas vitaminas e minerais está associada com a melhoria da qualidade do esperma em homens mais velhos. É o que afirma um novo estudo realizado nos EUA. Em um estudo com 80 homens saudáveis, com idades entre 22 e 80, os pesquisadores descobriram que aqueles com mais de 44 que consumiram mais vitamina C, vitamina E, zinco e ácido fólico tiveram danos no DNA do esperma 20% menor do que aqueles que consumiram a menor quantidade desses “micronutrientes”.

Espermatozóides

Espermatozóides

No entanto, uma maior ingestão dessas vitaminas e minerais não foram associadas com a melhoria da qualidade do esperma em homens mais jovens. O estudo foi liderado por cientistas do Departamento de Energia dos EUA, Lawrence Berkeley National Laboratory.

Parece que o maior consumo de micronutrientes como vitamina C, E, ácido fólico e zinco ajudam a voltar o relógio para homens mais velhos. Descobrimos que os homens mais velhos que consumiam a dieta recomendada de determinados micronutrientes tinham o esperma com a mesma quantidade de danos do DNA como o esperma de homens mais jovens.