Síndrome de Turner

A Síndrome de Turner é ocasionada por uma não-disjunção do espermatozóide. Ela pode ser detectada no momento do nascimento, mas em alguns indivíduos, suas características fenotípicas exclusivas podem ser percebidas mais claramente antes da puberdade ou mesmo na fase da adolescência. A doença só atinge as pessoas do sexo feminino, sendo de ocorrência incomum.

Esta síndrome é causada por um distúrbio cromossomico, onde a menina apresenta monossomia do cromossomo X. Um tratamento hormonal pode ser feito durante a adolescência. As características da mulher com Síndrome de Turner normalmente são: seios e órgãos sexuais pouco desenvolvidos, distúrbios cardíacos, propensão a obesidade, baixa estatura, esterilidade ou fertilidade comprometida, pescoço alado e tórax largo.

As meninas portadoras da Síndrome de Turner normalmente tardam um pouco mais para menstruar. A menina pode ter dificuldades de relacionamento social, por ter características atípicas, no entanto, as queixas das prórpias portadoras da síndrome são poucas. Veja a seguir o cariótipo da Síndrome de Turner:

síndrome de turner

Abaixo você pode conferir o desenvolvimento de uma menina que apresenta a Síndrome de Turner e a acentução das características com o passar do tempo.

sindrome de turner

One thought on “Síndrome de Turner

  1. EDILEUSA

    OI gostaria de saber mais dos tratamentos de uma pessoa q descobre a sindrome depois dos 27 anos..

Comments are closed.