Lyrica alivia a dor de pacientes com fibromialgia e depressão

A fibromialgia e a depressão muitas vezes andam de mãos dadas, e um novo estudo descobriu que o medicamento Lyrica ajuda a aliviar a dor em pacientes em tratamento para ambas as condições. A Lyrica ( pregabalina) foi nos EUA e na França para tratar a fibromialgia e herpes, mas pouco se sabe sobre sua segurança e eficácia quando também é tomada com antidepressivos.

Depressão

Depressão

Para aquelas pessoas com fibromialgia que também tem depressão e que tomam antidepressivos, mas ainda tem dor, a Lyrica pode reduzir a severidade da dor.

Sintomas da fibromialgia

A fibromialgia é uma síndrome que envolve a dor em diferentes pontos ao longo do corpo e sensibilidade nas articulações, músculos, tendões e outros tecidos moles. A síndrome tem sido associado à fadiga, problemas do sono, ansiedade e depressão, mas a sua causa é desconhecida. Mulheres com idade entre 20 a 50 anos costumam ser mais afetadas.

Os efeitos colaterais produzidos pela droga incluem tontura e sonolência, sendo que, alguns efeitos adversos graves já foram relatados, mas não estavam relacionados com a droga. A droga é utilizada para reduzir a dor, reduzindo os sinais de dor no sistema nervoso central. Contudo, ofereceu uma pequena garantia em relação à sua segurança.