Fumo à favor das articulações

Sabemos que o fumo aumenta o risco de ter câncer, enfisema pulmonar, doenças cardíacas, derrame cerebral, dentre outros. Porém, se a pessoa conseguir se esquivar de todas esses problemas, o fumo pode reduzir a necessidade de cirurgia para o tratamento das articulações. De fato é uma situação inusitada, uma pesquisa com 11.000 homens  americanos, mostrou que os indivíduos que fumavam, tinham menos necessidades de ser submetidos à cirurgias para cuidar de quadris e joelhos, afetados pela artrite, reumatismo, dentre outros.

Fumo

Os homens que fumaram por 50 anos ou mais, apresentavam 51% a menos de chance da necessidade de intervenções cirúrgicas, comparado com os homens que nunca fumaram. Na verdade, vários estudos anteriores afirmaram essa ligação, porém, essa é a primeira pesquisa a mostrar uma relação clara entre o fumo e a probabilidade da necessidade de uma cirurgia nas articulações.

A nicotina, de fato pode desempenhar um papel positivo nessa situação, várias pesquisas de laboratório com animais tem mostrado que a nicotina estimula a atividade das células encontradas na cartilagem articular, o que sem dúvida alguma ajuda consideravelmente a diminuir a gravidade da osteoartrite. É bom deixar claro que de forma alguma essas informações incentivam o fumo, muito pelo contrário, o cigarro ainda é uma das piores drogas da atualidade.