Amamentação prolongada pode aumentar as chances de eczema nos bebês

O aleitamento materno é extremamente importante para a saúde dos bebês, no entanto, uma nova pesquisa revela que a amamentação está associada ao risco de desenvolvimento de eczema no futuro. Com aleitamento materno exclusivo, a criança recebe apenas o leite materno, sem comida ou bebida adicional.

Amamentação

Amamentação

A amamentação exclusiva é recomendada até os 6 meses de idade. Mas até agora, pouco se sabe sobre como o prolongamento do aleitamento materno exclusivo aumenta as chances de risco de eczema em crianças. Os pesquisadores examinaram dados de aproximadamente 51.119 crianças, entre 2 e 10 anos. As crianças analisadas eram de países diferentes, vindas da África, Ásia, Europa e América Latina.

Foi revelado que aquelas que foram exclusivamente amamentadas durante quatro meses ou mais, tinham mais chances de desenvolver eczema em relação às crianças que foram amamentadas por um curto período de tempo. De fato, a amamentação prolongada não pode reduzir o risco de eczema, no entanto, não resta dúvidas de que a amamentação oferece muitos outros benefícios para a saúde dos bebês. É amplamente aceito que o leite materno é a alimentação mais importante e apropriada no início da vida. Pesquisa realizado na inglaterra, publicada na revista “Health & Life”.