A influência da obesidade sobre transtorno bipolar

O transtorno bipolar se desenvolve de forma diferente entre as pessoas obesas e pessoas que estão em seu peso normal. Cerca de 5% da população brasileira tem transtorno bipolar, uma doença mental grave que provoca oscilações extremas de humor. Pouco mais de 9% das pessoas com transtorno bipolar são obesas, o que representa uma taxa mais elevada do que na população geral.

Mulher tirando rosto de feliz e bom humor

Transtorno Bipolar

O estudo concluiu que os pacientes bipolares que são obesos são mais propensos a ter outros problemas de saúde mental, tais como pensamentos suicidas, psicose, transtornos de ansiedade e abuso de substâncias. Além disso, pacientes obesos bipolares também são mais propensos a ter condições físicas graves, como artrite, diabetes, pressão alta e doenças cardíacas. É realmente importante tentar estabilizar o humor dos pacientes, já que as pessoas que sofrem com a doença bipolar são susceptíveis a comer mais. Os pesquisadores realizaram mais pesquisas para determinar se há uma ligação genética entre a compulsão alimentar e doença bipolar. A identificação deste subgrupo de pacientes irá ajudar a determinar as causas do transtorno bipolar e levar a tratamentos mais eficazes e personalizados.